Reflexão rápida sobre o Arcano II

papisa

A curiosidade em torno da lâmina, conta os autores, é que a figura da papisa pode estar relacionada a um fato histórico, ou lendário, que permeou a literatura medieval: a existência de um papa do sexo feminino, conhecida como Papisa Joana, ou outro nome que ficou conhecido – Papa VIII.

 

Por João Fábio Braga

A Papisa representa a Sabedoria, a Casa de Deus, a Lei e a Reflexão. Simbolicamente, no sentido mais restrito, está ligado ao princípio feminino, ao receptivo e ao materno; a intuição e ao mistério.

Podemos entender este arcano pelo prisma do número dois. O dois, por exemplo, não carrega, como se difundi em algumas tradições, uma orientação negativa ou de caráter duvidoso e contraditório, muito pelo contrário, o número dois está associado à passividade, ao feminino e ao repouso. A Papisa é o próprio repouso. É Deus que, depois da criação, repousa.

Outro aspecto fundamental e inerente ao número dois e a polaridade do universo é o binário. Nesse sentido, o binário representa o rompimento da unidade, em outras palavras, o abandono à causa primeira, o caos essencial. Por essa razão, o início da busca da identidade, por via iniciática, começa quando se dar conta da necessidade de reintegração à unidade ou ajudar a manter o equilibro das forças elementares que produzem o conflito.

Outra característica interessante do arcano é o Véu que recobre a Papisa e o livro aberto que está lendo. A existência deste véu fez com que muitos autores identificassem a Papisa com a deusa egípcia Ísis, e segundo Plutarco, numa inscrição gravada numa estátua no templo de Sais: Sou tudo que foi, tudo que é e tudo que será, e meu véu não foi rasgado por nenhum mortal.

Segundo outros autores, a Papisa seria “A Porta do Santuário”. O livro que está lendo simbolizaria o Livro da Vida [relacionaria a Torá, Bíblia]. Segundo um determinado autor, o termo Tarô significa: “o caminho real da Vida”. Este é o Livro da Vida e para lê-lo a descoberto é necessário ler “com os olhos do coração”.

O mistério do Arcano II está íntimo no interior de todos nós; é Mãe, esposa, virgem celeste. A Papisa ou Sacerdotisa se encontra na passagem entre o exterior ao interior; entre a ignorância ao conhecimento; entre a preguiça ao sentido prático; entre hipocrisia à verdade.

 

 

Leia – Reflexão rápida sobre o Arcano I

Anúncios
Esse post foi publicado em Ensinamentos, Esoterismo, Hermetismo, Reflexão, Sabedoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Reflexão rápida sobre o Arcano II

  1. Pingback: Ensaio sobre o simbolismo do número Dois | Ensaios, Ideias e Reflexões

Deixe comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s